Relatório dos estrondos

tumblr_mh3mzbHbM81rfltouo1_500
By Leandro Marshall
Eu não tenho pena das palavras que não têm cura.
Eu não tenho pena das onomatopeias que não conseguem mentir.
Eu não tenho pena das bocas que não sabem dançar.
Eu não tenho pena dos sorrisos que não saem das sombras.
Eu não tenho pena das vírgulas que não sabem vencer.
Eu não tenho pena dos berros que infestam a vida.
Eu não tenho pena das orações que não sabem calar.
Eu não tenho pena de nenhum dos estrondos que os homens inventam para não ter que morrer.
Eu tenho pena de mim.
Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s