Os homens ocos

10712744_490221481118860_5644509830984796120_n

 

Nós somos os homens vazios,

os homens empalhados,

Buscando apoio juntos.

A cachola cheia de palha,

Infelizmente!

Silhueta sem forma,

sombra sem cor,

força paralisada, gesto sem movimento.

Esta é a Terra morta,

uma terra de cactos.

É assim que o mundo acaba.

É assim que o mundo acaba.

E assim que o mundo acaba.

Sem grande estrondo, mas num gemido.

 

T. S. Eliot

The Hollow Men (1925),

Poems (1909-1925)

 

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s